Menu do Site
Copyright MicroUniverso 2017
Conheça 5 maneiras de fidelizar clientes no varejo
1293
post-template-default,single,single-post,postid-1293,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1300,side_menu_slide_from_right,footer_responsive_adv,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-10.0,wpb-js-composer js-comp-ver-4.12,vc_responsive
 

Conheça 5 maneiras de fidelizar clientes no varejo

Conheça 5 maneiras de fidelizar clientes no varejo

Para fidelizar clientes, os gestores precisam acompanhar tendências de mercado e corresponder às necessidades e aos desejos dos consumidores. Tudo isso para simplesmente entender seus hábitos e suas preferências.

No varejo, em que o dinamismo da decisão de compra é ainda mais marcante, a preocupação com a manutenção da carteira de clientes deve ser contínua e consistente para garantir a saúde e a viabilidade do negócio.

Se você busca mais informações sobre o assunto, encontrou o conteúdo perfeito! Neste post, você vai entender um pouco mais sobre as vantagens da fidelização de clientes e conhecerá os impactos dessa prática nos resultados da operação.

Além disso, também terá acesso a dicas importantes que podem maximizar o desempenho da empresa ao fortalecer o relacionamento com a base de consumidores ativos. Preparado? Boa leitura!

Por que é importante — e essencial — fidelizar clientes?

O mercado, por si só, é um ambiente altamente competitivo. No varejo, essa realidade é ainda mais evidente, uma vez que os hábitos de consumo podem ser frágeis e, em busca de uma oferta mais atraente, o cliente pode trocar de fornecedor com muita rapidez.

Ao levar em consideração apenas essa afirmação, já não seria equivocado dizer que a fidelização de clientes deve ser uma das prioridades dos gestores varejistas. Afinal, apenas ao estreitar o relacionamento com os consumidores e continuar relevante a cada nova compra é possível conquistar a confiança e assegurar a preferência.

Na prática, as estratégias de fidelização permitem que as empresas cresçam e adquiram cada vez mais lucros — o que é uma vantagem frente a uma concorrência tão acirrada. Ao possuir uma base sólida de clientes, os quais recorrem à sua marca quando precisam de um produto ou serviço que você oferece, o seu negócio se fortalece e o desempenho empresarial melhora.

Diante disso, cabe pontuar que a missão de fidelizar clientes deve ser contínua, além de permanecer como uma das atividades fundamentais a qualquer organização. Para que isso seja possível, vale investir em táticas direcionadas para atrair, satisfazer e manter o público cada vez mais envolvido na proposta de valor da empresa.

Como melhorar a fidelização de clientes para gerar mais resultados?

Agora que você já entendeu um pouco mais sobre a importância de fidelizar clientes, é hora de agregar um pouco mais de prática à discussão! Consciente de que é possível maximizar os resultados corporativos ao investir na manutenção de clientes satisfeitos, confira 5 dicas para alavancar a fidelização a seguir.

1. Invista em ações de relacionamento

O relacionamento transparente, sincero e ativo é cada vez mais importante para manter clientes engajados — e um cliente interessado na sua marca, sem dúvida, faz parte de um público mais disposto a recorrer à sua empresa quando pensar em produtos e serviços que você oferece.

Por isso, é importante que os gestores estruturem, executem e acompanhem ações de relacionamento continuado, todas elas voltadas para as prioridades e os desejos de consumo de seu público-alvo.

Vale, por exemplo, parabenizar pelo aniversário e oferecer um brinde para motivar a visita à loja. A tática, embora simples, pode ocasionar resultados em preferência de marca e até mesmo em faturamento imediato.

2. Busque a melhoria contínua nos processos de entrega

A melhoria contínua é imprescindível para qualquer negócio, mas é ainda mais relevante nas empresas varejistas, que precisam se reinventar a todo o momento – sob o risco de perder espaço no mercado para os concorrentes.

A entrega de produtos, por sua vez, desponta como um dos aspectos mais sensíveis para o cliente e, por isso, deve ser um objeto de grande atenção dos gestores do ramo.

É fundamental que as empresa se dedique a formatar — e a revisitar, sempre que necessário — processos eficientes e que atendam plenamente às expectativas dos clientes para evitar que eles partam para a busca de um novo fornecedor no mercado.

3. Proporcione atendimento ágil e personalizado

O atendimento de excelência é um dos grandes trunfos dos varejistas que desejam expandir seus negócios — e, para isso, precisam conquistar clientes e mantê-los fiéis à marca.

Para ganhar a confiança e a preferência do consumidor, é essencial que o atendimento prestado seja ágil e proporcione ao público exatamente o que ele precisa. Ao atender de forma consistente, o varejista ganha a admiração — e, muitas vezes, também a lealdade — do cliente.

4. Aposte em campanhas de marketing

O marketing é um grande aliado no crescimento da empresa e pode ser aplicado a negócios de qualquer porte. Para estimular a fidelização de clientes, por exemplo, as campanhas direcionadas são uma boa estratégia.

Antes de lançar uma ação de mercado, porém, é preciso que você conheça a fundo o seu público e o apelo que sua marca tem. Assim, será possível utilizar táticas que tenham aderência aos clientes e que surtam os efeitos desejados.

É possível, por exemplo, reforçar a atividade nas redes sociais ou então apelar às técnicas de merchandising para alavancar um ponto de venda. Estude o que é mais adequado para o seu momento e para o seu objetivo!

5. Preocupe-se com o pós-venda

Por fim, embora não menos importante, é fundamental que o gestor de varejo se preocupe em construir um sistema efetivo de pós-venda que garanta que todo o cliente se sinta parte da empresa e se motive a comprar novamente, tão logo identifique a necessidade.

Ao manter o relacionamento com o consumidor após a compra, a empresa demonstra preocupação com ele e se mostra preocupada com sua satisfação, indo além da simples vontade de vender.

Além disso, cabe lembrar que um pós-venda bem preparado é capaz de solucionar eventuais conflitos com mais rapidez — o que pode evitar o descontentamento por parte do consumidor. Ao ser atendido com presteza e agilidade no momento em que mais precisa, o cliente fica satisfeito com sua aquisição e se torna cada vez mais fiel ao seu negócio.

Diante disso, a mensagem é clara: para fidelizar clientes, é preciso primeiro reconhecer a importância do consumidor para a manutenção do negócio e, assim, lançar mão de estratégias capazes de potencializar a satisfação e perpetuar a preferência de compra. Invista!

E aí, o conteúdo foi útil para você? Deseja ficar por dentro das outras novidades sobre o assunto? Então curta nossa página no Facebook e seja sempre o primeiro a conhecer as últimas atualizações!