Menu do Site
Copyright MicroUniverso 2017
Saiba como é o processo de implantação na MicroUniverso
1457
post-template-default,single,single-post,postid-1457,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1300,side_menu_slide_from_right,footer_responsive_adv,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-10.0,wpb-js-composer js-comp-ver-4.12,vc_responsive
 

Saiba como é o processo de implantação na MicroUniverso

Saiba como é o processo de implantação na MicroUniverso

Os gestores mais engajados sabem, já há algum tempo, que o cotidiano empresarial precisa contar com tecnologias eficientes. Nesse contexto, o ERP desponta como uma das ferramentas essenciais à saúde e ao crescimento do negócio, devendo, portanto, ser tratado com segurança e seriedade. Hoje, você entenderá como funciona a implantação do ERP MicroUniverso.

Entenda um pouco mais sobre a conceituação da tecnologia, aprofunde-se nos diferenciais da MicroUniverso — principalmente no que diz respeito à alavancagem do segmento de varejo de material para construção — e conheça mais sobre a metodologia de implantação utilizada.

Temos certeza de que vai valer a pena. Boa leitura!

O que é o Sistema de Gestão Empresarial – ERP?

A tecnologia de gestão é, sem dúvida, o grande trunfo das empresas mais produtivas. Atualmente, o mercado exige que as organizações estejam preparadas para enfrentar a alta competitividade, investindo em soluções capazes de sistematizar, organizar e otimizar os dados corporativos.

O Sistema de Gestão Empresarial, também conhecido como ERP (do inglês Enterprise Resource Management), é a resposta para uma demanda cada vez mais latente. Em um mundo norteado por dados, é crucial que as lideranças disponham de informações coerentes sobre suas operações e sobre seus mercados.

Na prática, o ERP é responsável por integrar todas as áreas da empresa. Uma vez implantada, a solução permite que o time de vendas acesse os relatórios de estoque e possa negociar prazos com os clientes, por exemplo. Da mesma forma, a equipe de logística pode ser monitorada, via indicadores atualizados em tempo real, pela liderança de qualidade, que certifica a conformidade dos processos.

O ERP, portanto, pode ser descrito como um software capaz de provocar e nutrir uma gama de mudanças altamente significativas às organizações. Afinal, ao mesmo tempo em que automatiza rotinas, eliminando tarefas excessivamente manuais e combatendo o retrabalho na fonte, também age direta e positivamente na otimização dos recursos corporativos.

O resultado é indiscutível: bons retornos começam a aparecer em curto espaço de tempo e continuam perenes (e em franco fortalecimento) no médio e no longo prazos. Tudo o que os gestores esperam, buscam e desejam sustentar!

Por que o ERP MicroUniverso é a melhor solução?

Não basta, porém, iniciar a implantação de um sistema sem esmiuçar quais são as potencialidades, os diferenciais e os eventuais empecilhos da contratação. Dispensar a análise criteriosa das opções disponíveis e optar por um software sem credenciais é uma manobra perigosa — e que pode gerar prejuízos consideráveis.

Ao longo dos seus mais de 30 anos de mercado, a MicroUniverso foi acumulando conhecimentos específicos do negócio e incorporando ao seu sistema diversas regras de negócios que só o varejo de material para construção tem. Com isto, seguramente temos uma das soluções mais focadas para o segmento do país.   

ERP MicroUniverso reúne todas as características de uma solução completa. O produto dispõe de funcionalidades que endereçam as principais demandas dos gestores e potencializam as decisões estratégias, melhorando a qualidade da estratégia.

Enquanto parceiro de negócio, a MicroUniverso disponibiliza aos clientes um profundo conhecimento dos desafios vivenciados por empresas varejistas, sempre prezando por uma relação pautada em confiança e transparência. São, até aqui, mais de 30 anos de experiência na construção de um nobre objetivo: acompanhar e participar do desenvolvimento de empresas mais fortes e preparadas para lidar com a volatilidade do mercado.

Características como essa habilitam a MicroUniverso a entender as particularidades de cada organização e, de modo personalizado, oferecer recursos precisos. O ERP é, sem dúvida, reflexo de uma preocupação genuína com o sucesso dos parceiros que confiam em nossa tecnologia de gestão.

Quais são os benefícios do ERP MicroUniverso para as lojas de material para construção?

O varejo de material para construção é uma das especialidades da MicroUniverso. Estamos habituados ao dinamismo da área e correspondemos integralmente às exigências do setor, oferecendo boas práticas e respostas aos dilemas mais comuns do ramo.

Ao gestor varejista do setor, uma realidade é inquestionável: são muitas as frentes de atuação e inúmeros os desafios cotidianos. Seja na frente de loja, em que uma condição diferenciada de pagamento pode contribuir para a efetivação de uma venda importante; seja na retaguarda, quando uma negociação interessante com fornecedores pode fortalecer os cofres do negócio, o fato é que a tecnologia de gestão é uma aliada importante à efetividade das estratégias integradas.

Nesse cenário, o ERP adequado é capaz de centralizar as informações da empresa e de empoderar os times, conferindo mais autonomia aos profissionais envolvidos na operação. Assim, a equipe de compras pode visualizar os indicadores comerciais e revisitar os históricos de demanda, prevendo com certa segurança a curva de sazonalidade dos próximos ciclos.

Da mesma forma, a otimização de recursos se dá de forma mais orgânica e natural, resultado da eliminação do retrabalho e da redução na incidência de erros manuais.

Na prática, as lojas de material de construção podem (e devem) se beneficiar de um ERP ajustado às necessidades do negócio. Para fazer frente a uma concorrência acirrada e se destacar entre as inúmeras opções, a qualidade do serviço deve ser uma prioridade. Lembre-se de que, para isso, é preciso investir na estrutura e na sinergia dos processos internos.

Como funciona a implantação do ERP MicroUniverso?

A etapa de implantação é um momento crucial para o sucesso da estratégia empresarial. Durante os treinamentos que viabilizam a utilização do sistema, a equipe começa a desenhar os fluxos que automatizarão rotinas e alavancarão performances.

Na MicroUniverso, toda a concepção de implantação é diferenciada desde o início. Nossa metodologia foi modelada sob o aspecto das melhores práticas de PMI (Product Management Institute) e tem fases bem definidas — todas elas com documentos que garantem a coerência e a assertividade dos fluxos.

O trabalho de implantação começa ainda no ato da venda, quando o time comercial reúne as informações do cliente e reconhece os principais gargalos da organização. A realidade de dados é, então, repassada para os profissionais responsáveis pela parametrização do ERP. Essa troca agiliza o trabalho e o torna mais dinâmico, personalizando a solução desde o primeiro login.

Outro ponto relevante é que o método da MicroUniverso permite a minimização de riscos, reforçando o controle dos gestores sobre suas informações e rotinas. Todo o projeto é pautado em duas máximas que fazem toda a diferença no resultado final: o processo é encarado com algo temporário, que tem início e fim, e também como algo único, já que elementos repetitivos não alteram sua condição exclusiva.

De forma geral, a implantação do MicroUniverso é feita em 9 fases, cuja duração depende da complexidade e das necessidades do cliente. São elas:

  • planejamento do projeto: apresentação da metodologia, formação de equipes e apresentação de cronogramas;
  • Instalação: identificam-se as melhorias necessárias e preparam-se os ambientes e a infraestrutura;
  • definição de processos: interação com usuários-chave, entrevistas por setor, levantamento de possíveis customizações, alterações de rotinas (para integrá-las de forma sistêmica) e documentação básica;
  • carga de dados: fase para migrar informações, parametrizar funções e conceder acessos;
  • treinamentos: etapa importante para ensinar aos futuros usuários os mecanismos do sistema, certificando-os nas funcionalidades de suas áreas e validando eventuais alterações;
  • simulações: as principais operações são realizadas com o envolvimento dos responsáveis de cada setor, garantindo a credibilidade do sistema frente aos processos e à performance do ERP;
  • auditoria: planejamento da virada de sistema, avaliando o resultado do escopo e a documentação legal exigida no processo;
  • acompanhamento: oferece aos usuários todo o suporte necessário aos primeiros passos no sistema, principalmente nos fechamentos gerenciais e fiscais;
  • encerramento: são documentados os recursos implantados e solicita-se a avaliação geral do processo. 

O conteúdo esclareceu suas dúvidas e o deixou mais à vontade para buscar uma solução aderente e eficaz para o seu negócio? Ótimo! Aproveite para entrar em contato conosco e saber, em detalhes, como podemos ajudá-lo a conquistar resultados cada vez mais expressivos. Sucesso e até a próxima!